domingo, 7 de fevereiro de 2021

Quarto Choro

 

Não é incomum que Eu chore de Emoção ao ouvir diversas Músicas.

 

Mas chorar devido a notícias sobre Músicos é muito mais raro; até hoje, só tinha me acontecido por 3 vezes.

 

Chorei quando morreu TOMMY BOLIN, em 1976. Eu estava em uma Festa no Leblon ao saber.

 

Chorei quando morreu MARC BOLAN, em 1977.

 

Chorei quando morreu RIC OCASEK, em 2019.

 

E chorei hoje (06/fev/2021) à tarde nas horas que se seguiram após ler esta notícia em DutchNews.nl:

An End of an Era for GOLDEN EARRING as GEORGE KOOYMANS is diagnosed with ALS 

(https://www.dutchnews.nl/news/2021/02/an-end-of-an-era-for-golden-earring-as-george-kooyman-is-diagnosed-with-als/)

 

A Banda que acompanhou minha Vida, pela qual me apaixonei em 1976 quando Vick del River me apresentou "Golden Earring Live" (in my humble opinion, o Melhor Disco ao Vivo de Todos os Tempos), embora já os conhecesse desde o ótimo “Moontan” (1973) e o genial “Switch” (1975).

 

Gloug diz que “George Kooymans é um Guitarrista que não erra”.

 

Graças a Fabio Star, fui às Netherlands em 2008 para assistir 3 gigs do GOLDEN EARRING; os 4 relatos estão neste Blog (07/jan/2010), com o nome "Hearing Earring" (acho-os ótimos, recomendo a Pesquisa, é facilimo achar).

 

Há menos de 1 semana Eu estava ouvindo o penúltimo lançamento deles, "Tits'n'Ass" (2012), e me deliciando em ter tido o privilégio de ter uma Banda amada ativa por meio século.

 

Muito obrigado, George Kooymans.

 

Muito obrigado Barry Hay, MaRinus Gerritsen e Cesar Zuidewijk.

 

Vocês foram fenomenais Companheiros de Estrada. Iluminaram.

 

Hoje chorei muito, em pleno Shopping Rio Sul.

 

 

MG & George Kooymans
O13 Arena Tillburg Holanda 09-mai-2008


(Nota: puristas poderão reclamar – com razão – que “se seguiram após” é uma grafia feia, redundante. Também pensei assim e tentei escrever de diversas formas diferentes, mas nenhuma traduzia tão bem as horas que se seguiram após. Deixei então desta forma, afinal uma grande vantagem de ser Escritor é ser o DONO da Escrita, do Texto, da Grafia, (da estória, então, nem se fala!), e não ser preciso se prender ao que achar que não deve.)

 

(Shopping Rio Sul, 20210206 Praça de Alimentação)


2 comentários:

  1. E graças ao "Always Rocker" que nos escreve, eu tive o grande prazer de seguir estrada afora ouvindo este magistral guitarrista/compositor vida afora. Uma Pajelança em homenagem ao brilhante George se faz necessária 🎸🎙

    ResponderExcluir
  2. Banda e guitarrista muito especial mesmo, concordo, um privilégio!

    Via vc e os “discos” indicados e muitas vezes ansiosamente aguardados pelas chegadas de viagens de meus pais, acompanhei também a trajetória da Banda, que se tornou conhecida e umas das preferidas, com músicas antológicas.

    Chore Marcio, é compreensível e só faz reafirmar o que todos sabemos, a sua devolução e entusiasmo pelos Earrings.

    Many Thanks a vc e a eles, muitas horas de nossas vidas foram dedicadas a ouvi-los e/ou assisti-los. Uma Banda fantástica de rock com a guitarra do GK sempre sobressaindo, algo que particularmente, sempre gostei.

    Abração

    ResponderExcluir